Atualidade

AVC: cursos pré-congresso focados numa intervenção próxima e urgente

A Sociedade Portuguesa do AVC organiza, entre os dias 2 e 4 de fevereiro de 2023, a 17.ª edição do Congresso Português do AVC, o encontro nacional na área do acidente vascular cerebral. O evento volta a realizar-se na cidade do Porto, no Hotel Sheraton e conta com a coordenação de especilaistas da área na formação em cursos específicos que pretendem transmitir ideias importantes para tratar da melhor forma possível um doente vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Coordenado por Miguel Rodrigues e Liliana Pereira, “A via verde do AVC em 9 perguntas” é um curso, organizado pela Sociedade Portuguesa do AVC, que pretende dar “conhecimento dos protocolos de atuação e celeridade na obtenção da história, exame objetivo e exames complementares são fundamentais para decidir sobre a utilização de tratamentos de trombólise e trombectomia”.

“Como comunicar no pós-AVC com o doente que não consegue falar” é uma formação coordenada por Paula Valente e Assunção Matos que pretende “capacitar e treinar os profissionais de saúde para saberem comunicar melhor com sobreviventes de AVC com qualquer grau e tipo de afasia e/ou com perturbações da fala, através do uso das técnicas/ferramentas comunicativas propostas pelo método Supported Conversation for Adults With Aphasia (SCA)”.

Com ”Técnicas ultrassonográficas para guiar decisões terapêuticas na UAVC”, e sob coordenação de Alexandre Amaral e Silva e João Sargento Freitas, este é um curso que visa discutir temas como “A placa carotídea extracraniana, monitorização ecográfica multimodal e integração com achados angiográficos”, “Microêmbolos espontâneos e em pesquisa de shunt direito-esquerdo: aplicabilidade clínica – Socorro Piñeiro” ou “Estudos neurossonológicos na era da angio-TAC: como enquadrar, interpretar e utilidade – Denis Gabriel”.

Estes são alguns dos cursos do 17.ª Congresso Português do AVC, saiba mais sobre o programa do evento aqui.